top of page

Convidados

Taísa B. Machado

Mestre Convidado Rio de Janeiro

É atriz, roteirista, pesquisadora apaixonada pelo universo periférico carioca e curte mapear tendências de comportamento, estéticas e artísticas da cultura preta. Fundadora da Afrofunk Rio, plataforma de experiências e conteúdos para o movimento funk carioca que atua principalmente em dança, utiliza dessa ferramenta como tecnologia social e o corpo como fonte de conhecimento e inspiração. Com foco em memória, empoderamento racial e de gênero, as ações valorizam a produção artística e intelectual das favelas e periferias do Rio de Janeiro. Participou do “No Passinho do Funk”, produção Spotify e KondZilla, e na websérie“Querendo Assunto”, junto da escritora Ana Paula Lisboa e a jornalista Ellen Paes. Como especialista em funk e cultura favelada carioca, participou dos filmes “O Corpo É Nosso”(Conspiração Filmes, 2019) e “Made in Honório”, documentário da funkeira Anitta, produção Netflix (2020). No momento atua como roteirista e mediadora cultural para as marcas Beats (Ambev) e Paranoid Filmes, em que está em processo de criação de um longa com o premiado roteirista e diretor Heitor Dhalia. Em 2020 o atual secretário de Cultura da cidade do Rio de Janeiro, Marcus Faustini, lançou, pela editora Cobogó, na coletânea Cabeças da Periferia, o livro“O Afrofunk e a Ciência do Rebolado”, sobre a trajetória artística de Taísa. O mais novo projeto é o primeiro programa de aceleração para artistas da cena funk carioca. ESTUDE O FUNK é um hub criativo funkeiro em que a artista atua como diretora artística e professora.O programa é uma parceria entre a Fundição Progresso e Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado do Rio de Janeiro.

bottom of page